Lente de contato dental – nova mania entre brasileiros

Sucesso absoluto entre os atores e celebridades da mídia que aparecem na televisão ou em filmes, as lentes de contato dental (ou lentes de contato de porcelana) estão se tornando objeto de desejo de muitas pessoas. Mas afinal o que são elas?

Lentes de contato dentais são próteses de porcelana parecidas com as antigas facetas mas com uma espessura menor e  aplicadas com adesivo na superfície dos dentes. Elas podem cobrir de um a vários dentes.

O nome de lente de contato deve-se ao fato que elas tem espessura entre 0,2 e 0,4 mm, semelhante à de uma lente de contato ocular.

Ao contrário das facetas, que tem espessura de 1 mm, as lentes de contato dentais não precisam que a superfície dos dentes seja desgastada previamente para a colocação delas. Isso torna o procedimento muito mais rápido.



As lentes de contato são feitas pelos protéticos após o dentista tirar o molde delas na boca do paciente.

Espessura das lentes de contato dentais

Espessura das lentes de contato dentais

O processo de moldagem das lentes de contato feito pelo dentista é simples e rápido:

  • Ele limpa previamente os dentes;
  • Tira a impressão da arcada;
  • Determina a cor das lentes.



Tal como a moldagem, a aplicação das lentes no paciente também é rápida: o dentista limpa a superfície dos dentes, aplica o adesivo e fixa-as na superfície dos dentes.

Se você apresenta alguns dos problemas abaixo, muito provavelmente a lente de contato dental é adequada para você – mas sempre consulte seu dentista de confiança antes de fazer o procedimento:

  • Descoloração dos dentes;
  • Dentes com superfícies fraturadas, lascadas ou desgastadas;
  • Anomalia dos dentes – dentes muito pequenos, por exemplo;
  • Irregularidade da arcada – talvez seja preciso tratamento odontológico antes da aplicação das lentes de contato dentais;
  • Lacunas entre os dentes – diastemia;
  • Revestir coroas e obturações que mudaram de cor com o tempo, sem ser necessário trocá-las;
  • Clarear todos os dentes sem passar por tratamentos que podem desgastar os dentes – o chamado clareamento dental.
Antes e depois de lentes de contato dentais

Antes e depois de lentes de contato dentais

O que não te contaram ainda sobre as lentes de contato dentais

As lentes de contato dentais são mais caras do que as facetas antigas mas sua colocação é mais rápida.

Ainda não existe uma grande certeza quanto a duração delas: algumas estimativas chegam até 20 anos mas existem poucos estudos para comprovar isso e como elas são novidades, também não há casos clínicos que comprovam tal prazo.

Da mesma forma quanto ao tempo da duração, também não há certeza quanto ao prazo de estabilidade da cor e resistência do material.

Caso a lente dental apresente problemas e seja necessário repará-la, ela deve ser enviada ao protético. Em alguns casos será necessário refazê-la.



Outro importante detalhe é que a resistência das lentes é inferior ao dos dentes naturais: deve-se tomar cuidado ao morder alimentos duros para não danificá-las. E se você tem bruxismo (“range” os dentes durante o sono) é aconselhável usar uma placa de proteção apropriada.

Por fim: dependendo do dentista, cada lente de contato dental por custar alguns milhares de reais. No entanto, um bom laboratório de prótese dentária cobra, em média, R$ 350,00 por cada lente ao dentista. Como a colocação de lentes de contato dentais não é dos procedimentos mais trabalhosos e nem gasta tanto material, os dentistas não deveriam cobrar tão caro mas, infelizmente, não é o que acontece na prática. Isso só torna atual a crítica que já fizemos em outro artigo “Na briga entre dentista e protético quem paga a conta é você“.

Marcações:

Deixe uma resposta